Comentarios

  • http://twitter.com/edergobbi Eder

    Mais um grande post do blog. Blog jovem mas com certeza será referência obrigatória para o contexto.

    Meu parecer em relação à pró-atividade no trabalho é que não podemos “durmí nas paia”, esperando que alguém lhe diga o que fazer e como fazer. Encontrou o problema? Apresente a solução claramente e objetivamente, mas com zelo e delicadesa. Não dá pra apontar um problema que seja de responsabilidade do diretor da empresa simplesmente “abrindo a guela” durante o coffee break. Por outro lado, se não lavaram a caneca de café e deixaram na copa, não precisa mandar um email de 10 parágrafos explicando como os fungos alojados na caneca podem trazer complicações na saúde e blá blá blá. Equielíbrio é fundamental.

    Mais uma vez, parabéns pelo blog e pelo ótimo post.

  • http://twitter.com/edergobbi Eder

    Mais um grande post do blog. Blog jovem mas com certeza será referência obrigatória para o contexto.

    Meu parecer em relação à pró-atividade no trabalho é que não podemos “durmí nas paia”, esperando que alguém lhe diga o que fazer e como fazer. Encontrou o problema? Apresente a solução claramente e objetivamente, mas com zelo e delicadesa. Não dá pra apontar um problema que seja de responsabilidade do diretor da empresa simplesmente “abrindo a guela” durante o coffee break. Por outro lado, se não lavaram a caneca de café e deixaram na copa, não precisa mandar um email de 10 parágrafos explicando como os fungos alojados na caneca podem trazer complicações na saúde e blá blá blá. Equielíbrio é fundamental.

    Mais uma vez, parabéns pelo blog e pelo ótimo post.

  • http://twitter.com/edergobbi Eder

    Mais um grande post do blog. Blog jovem mas com certeza será referência obrigatória para o contexto.

    Meu parecer em relação à pró-atividade no trabalho é que não podemos “durmí nas paia”, esperando que alguém lhe diga o que fazer e como fazer. Encontrou o problema? Apresente a solução claramente e objetivamente, mas com zelo e delicadesa. Não dá pra apontar um problema que seja de responsabilidade do diretor da empresa simplesmente “abrindo a guela” durante o coffee break. Por outro lado, se não lavaram a caneca de café e deixaram na copa, não precisa mandar um email de 10 parágrafos explicando como os fungos alojados na caneca podem trazer complicações na saúde e blá blá blá. Equielíbrio é fundamental.

    Mais uma vez, parabéns pelo blog e pelo ótimo post.

  • http://culturacraze.blogspot.com Karen

    Gostei do post também! Muito boa escolha do tema! Acho válido acrescentar que todos devemos tomar cuidado com o “amor excessivo às próprias idéias”. Muitas vezes fica claro que apesar da sua idéia ser boa o momento não é propício à sua execução ou existem idéias melhores. Nesse caso, vale recorrer a humildade e ‘guardar’ sua idéia, mas sem birra ou frustração porque ela não foi executada. Sentir-se desvalorizado pode também ter muito a ver com como você se sente a seu respeito, nem tudo é sinal de desvalorização…

    • http://www.diegohomem.com/blog/ Diego Homem

      Muito bem levantado Karen, a autoestima é de suma importância no trato do dia-a-dia, nem sempre um não significa “inutilidade” ou “desgosto”, na miroria das vez é apenas um “no momento não é interessante”.
      E no caso contrário onde se tem amor demais pela idéia é justamente o oposto. Algumas vezes a idéia rejeitada no hoje pode ser a salvação da lavoura no futuro. Paciência sempre cai bem.

  • http://culturacraze.blogspot.com Karen

    Gostei do post também! Muito boa escolha do tema! Acho válido acrescentar que todos devemos tomar cuidado com o “amor excessivo às próprias idéias”. Muitas vezes fica claro que apesar da sua idéia ser boa o momento não é propício à sua execução ou existem idéias melhores. Nesse caso, vale recorrer a humildade e ‘guardar’ sua idéia, mas sem birra ou frustração porque ela não foi executada. Sentir-se desvalorizado pode também ter muito a ver com como você se sente a seu respeito, nem tudo é sinal de desvalorização…

    • http://www.diegohomem.com/blog/ Diego Homem

      Muito bem levantado Karen, a autoestima é de suma importância no trato do dia-a-dia, nem sempre um não significa “inutilidade” ou “desgosto”, na miroria das vez é apenas um “no momento não é interessante”.
      E no caso contrário onde se tem amor demais pela idéia é justamente o oposto. Algumas vezes a idéia rejeitada no hoje pode ser a salvação da lavoura no futuro. Paciência sempre cai bem.

  • http://culturacraze.blogspot.com Karen

    Gostei do post também! Muito boa escolha do tema! Acho válido acrescentar que todos devemos tomar cuidado com o “amor excessivo às próprias idéias”. Muitas vezes fica claro que apesar da sua idéia ser boa o momento não é propício à sua execução ou existem idéias melhores. Nesse caso, vale recorrer a humildade e ‘guardar’ sua idéia, mas sem birra ou frustração porque ela não foi executada. Sentir-se desvalorizado pode também ter muito a ver com como você se sente a seu respeito, nem tudo é sinal de desvalorização…

    • http://www.diegohomem.com/blog/ Diego Homem

      Muito bem levantado Karen, a autoestima é de suma importância no trato do dia-a-dia, nem sempre um não significa “inutilidade” ou “desgosto”, na miroria das vez é apenas um “no momento não é interessante”.
      E no caso contrário onde se tem amor demais pela idéia é justamente o oposto. Algumas vezes a idéia rejeitada no hoje pode ser a salvação da lavoura no futuro. Paciência sempre cai bem.

  • Pingback: Geração Y exige coerência entre discurso e prática | Minha Carreira

  • Pingback: Geração Y exige coerência entre discurso e prática | Minha Carreira

  • Pingback: Geração Y exige coerência entre discurso e prática | Minha Carreira

  • Pingback: Passei no concurso público, e agora? | Minha Carreira

  • Pingback: Passei no concurso público, e agora? | Minha Carreira

  • Pingback: Passei no concurso público, e agora? | Minha Carreira

  • Pingback: O que fazer depois de uma entrevista de emprego | Blog de Emprego & Carreira

  • Pingback: O que fazer depois de uma entrevista de emprego | Blog de Emprego & Carreira

  • Pingback: O que fazer depois de uma entrevista de emprego | Blog de Emprego & Carreira

  • http://www.diegohomem.com/blog/ Diego Homem

    Os exemplos que você citou são pertinentes e muito comuns. Bom senso é um dos maiores aliados no desenvolvimento da carreira. Obrigado pela participação!

  • http://www.diegohomem.com/blog/ Diego Homem

    Os exemplos que você citou são pertinentes e muito comuns. Bom senso é um dos maiores aliados no desenvolvimento da carreira. Obrigado pela participação!

  • http://www.diegohomem.com/blog/ Diego Homem

    Os exemplos que você citou são pertinentes e muito comuns. Bom senso é um dos maiores aliados no desenvolvimento da carreira. Obrigado pela participação!

Leia Tambem...

Logo

Um espaço para expressão de ideias, experiências, estudos, leituras, vivências e aprendizados. Trazendo um olhar jovem e único sobre os diversos temas existentes no dia a dia profissional e pessoal.

Siga-nos no...

AUTORES